27 de novembro de 2011

DIVAGAÇÕES DISTANTES DE DOIS AMANTES



                                                                   


Meu querido amigo HAMILTON, dos blogs:


que sempre me deixou lindos comentários poéticos e que merece a admiração de todos que o conhecem, nesse nosso mundo virtual, construiu, comigo, o poema objeto desta postagem.  Fez o "ele", em nossas divagações, cujo título escolheu. Eu lhe sou grata pela parceria.





Divagações distantes de dois amantes 

(Ela)

  Sou mais uma passageira ...
 Não me culpe, não me fira,
 Não me olhe com maldade,
Se sentiu o meu perfume
Busque outros e me esqueça
Não se prenda nessa teia
Da saudade

(Ele)

Então eu, mero navegante
Naufrágio é meu semblante
Atordoado pelo teu canto
 Desvanecido pelo teu encanto
Sem mais um norte
       A saudade fere feito a própria morte

(Ela)

Se cheguei fora da hora
Talvez não quisesse vir
E por isso fui embora
Sem deixá-lo me seguir

(Ele)

A hora sempre fora exata
   Caminhos cruzados em certa etapa
Com partida inesperada
Se fez distante em nossa jornada

 (Ela)

Sou mais uma passageira
Como outras que virão
Abri mão do seu carinho
Deixei de olhar nos seus olhos
 Que estavam repletos de amor
Porque não senti o calor
Que desejava

(Ele)

Eu mero navegante
Perdido num belo instante
Desfazendo-se do presente
  Tentando compreender por que fora ausente
 No momento que mais quis ser presente

(Ela)

Sou mais uma passageira
Mal cheguei e já parti
Muitas vozes me chamaram
E de você, me perdi

(Ele)

Enquanto este estranho navegante
Busca tua passageira, tua amante
Aquela de incessantes chamados
   Que deixara ao navegante um único legado
   A maresia do saber que um dia fora amado
   E agora esquecido, desvanece já sepultado





42 comentários:

  1. Lindo poema... há magia entre os dois meninos...

    ResponderExcluir
  2. "Não se prenda nessa teia
    Da saudade

    ...

    Tentando compreender por que fora ausente..."

    Li e quase pude ouvir uma melodia acompanhando, de tão belo, Marilene!

    Parabéns aos dois, gostei muito!

    =)

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. oi amiga
    uma maravilhosa noite na presença de Deus, bjs

    ResponderExcluir
  4. Nossa, nem acredito no que acabei de ler, não sou muito chegado em parcerias, mas essa, vamos só elogiar! Creio que nunca li um poema tão bonito e tão realista a respeito da distância de dois amantes. Como isso tem a ver com o que tenho vivido! O último parágrafo então, se eu soubesse ser poeta, teria escrito(rs), tudo a ver com o meu sentimento, no momento, mormente o final: " A maresia do saber que um dia fora amado
    E agora esquecido, desvanece já sepultado"

    Sublime! Parabéns aos dois!

    ResponderExcluir
  5. Marilene, como dito anteriormente sinto-me honrado por estar aqui presente em vosso espaço.
    Como bem sabe, no entanto não fora dito. Foram tão somente vossas palavras que apeteceram minhas palavras!
    Novamente meu sincero agradecimento por tal honra em escrever contigo palavras que de certo fazem ou fizeram parte da vida de muitos amantes!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. LINDO!!!
    que coisa linda, sonora!
    Meus entusiasmados parabéns aos dois poetas.

    ResponderExcluir
  7. Que bela parceria! Lindo o poema escrito a quatro mãos.Parabéns minha linda amiga e ao Hamiltom também. Curvo-me diante deste momento inspirado dos dois e lhes digo que saio daqui encantada com este canto de amor e verdade.
    Bjs no coração

    ResponderExcluir
  8. Belo poema do amor dois poetas. El tem a virtude de não descascar os dois amantes frente para o outro, mas cada um antes dele ...

    beijos

    ResponderExcluir
  9. fabuloso e miraculoso poema que nos movimenta enos alimenta de tal forma que queremos sempre nos perder na cunplicidade dos seres humanos!
    Maravilhoso mesmo

    ResponderExcluir
  10. Belo dueto, numa versão diferente e romântica de "um amor em cada porto"... Parabéns aos dois.

    ResponderExcluir
  11. Nossa Marilene, amei o dueto. Perfeito! Muito amor. Bela cumplicidade! Viajei nesse momentos. Parabéns pra vc e o Hamilton. Bjos e bjos e todo meu carinho! Linda semana.

    ResponderExcluir
  12. Mari, minha amiga, quando eu penso que vc já conseguiu me surpreender lindamente com sua poesia ou seus textos, vc vem e me faz uma parceria com o Hamilton e me deixa aqui de boca aberta e babando de orgulho!!!!

    Vc é demais! Amo vc Mari do meu coração de melão, beijokitas e um abraço bem apertado :)

    ResponderExcluir
  13. Adorei o dueto, deviam fazer mais. Parabéns aos dois poetas.

    Boa noite, excelente semana.

    Bjo

    ResponderExcluir
  14. Apalusos..aplausos...
    De pé!!

    Parabéns..ficou divino!!!

    bj

    ResponderExcluir
  15. MARILENE, clap! clap! clap! clap!
    Esses clap e clap são aplausos. Não tem como não ter gostado de parceria tão engrenada.
    Ficou lindo.
    Beijos.
    Manoel.

    ResponderExcluir
  16. Belo dueto...bela poesia...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  17. MANA,
    FICOU MARAVILHOSO! UM ESPETÁCULO!
    Parceria perfeita e total sintonia.
    AMEI!
    Parabéns aos dois pela bela obra.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Um belo dueto com acoplamento perfeito Marilene dos sentimentos que aceleram as emoções dos amantes em seus desencontros.
    Parabens ao Hamilton pela criatividade e inspiração.
    Parabens a voce por estar sempre inspirada e inovada. Gostei.
    Uma bela semana com paz e poesia.
    Meu abraço de paz e luz.
    Bju.

    ResponderExcluir
  19. Bravooooooooooooooo....!!!
    Que LINDO!!!MARAVILHOSA PARCERIA!!

    Beijinhos Iluminados!!!
    Muita LUZ!!!

    ResponderExcluir
  20. Uma combinaçáo perfeita...beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  21. Eita que ficou legal demais esse poema de dois autores!

    Parabens! Maravilha!

    ResponderExcluir
  22. se tudo é por enquanto, a saudade é inevitável, né?

    ResponderExcluir
  23. Magnifica parceria minha amiga, palavras cumplices na sua essencia, adorei!!

    Vou estar afastada um tempinho mas depois volto :)
    beijinhos
    oa.s

    ResponderExcluir
  24. Bom dia minha linda e doce menina!
    Agora com dueto nossa...arrazou né!
    Vc é realmente talentosa...sem exageros da minha parte,kkkkkkkkkk,mas é sim,kkkkkk
    bjs

    ResponderExcluir
  25. Que eles enfim se percam nesse mundo maravilhoso de sentimentos de alma,,,de coração puro de paz...beijos de boa semana pra ti amiga.

    ResponderExcluir
  26. Marlene,
    Bom dia!Estava em falta por aqui,saudades!
    Sei que de uma parceria como esta só poderia sair uma obra de arte,parabéns pelo inspirado poema de amor!

    ResponderExcluir
  27. Oi Marilene querida

    Que lindo!!!
    Essa parceria promete hein...
    Que encanto.

    Beijos e uma semana cheia de coisas boas
    Ani

    ResponderExcluir
  28. Oi, parabéns aos dois, poema belíssimo, e ficou mais encantador pela parceria; "divagações, como "um conversando com o outro"...
    Meio triste, mas lindo*, o amor nem sempre nos faz feliz":)
    Termina;* como uma despedida*< a imaginação dos poetas às vezes a gente não consegue alcançar, poetizar é voar* e só podemos entender com os mesmos sentidos Dele.
    Boa semana, e um beijo da Mery*)

    ResponderExcluir
  29. Poemas lindo, com uma parceria encantadora, muito bem sintonizada. Gostei muito! Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  30. Olá,Marilene!!

    Puxa poetisa...que parceria perfeita!!!Lindos e intensos versos!!!Parabéns aos dois!!!!
    beijos!!!
    Bom começo de semana!

    ResponderExcluir
  31. Oi Mari,
    vcs conjugaram o verbo "poetar' em perfeita sintonia e profundidade, deixando-nos, a nós, o público eternecido ante o dueto romântico que criaram.
    Que dádiva!Obrigada por partilharem conosco.
    Parabéns aos dois!
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  32. Bela parceria poética.
    Gostei.
    Querida amiga Marilene, desejo-te uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  33. Nossa, me arrepiei rs lindo demais! abraços

    ResponderExcluir
  34. Uma parceria encantadora! obrigada pela partilha.
    Bjs

    ResponderExcluir
  35. Simplesmente, Perfeito!

    Parabéns pela parceria,Marilene! Deu liga!

    Beijos,

    Nel

    ResponderExcluir
  36. Adorei!
    Primeira vez que vejo assim!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  37. "A hora sempre fora exata
    Caminhos cruzados em certa etapa
    Com partida inesperada
    Se fez distante em nossa jornada"


    Suspiros***
    Que coisa mais gratificante de ler,Querida Mari!
    De fato,um complemento de dois maravilhoso!
    Amei ;)
    Ótima semana pra ti,Querida!
    Beijos

    ResponderExcluir
  38. O Blog "Pieces Of Me'
    chegou aos seus 400 seguidores,
    e tem o prazer de te prestigiar com
    um selinho lindo!!

    Beijos,
    e obrigada pela presença no meu cantinho..

    o selinho esta no link :http://momentosdapathy.blogspot.com/2011/11/400-seguidores.html

    ResponderExcluir
  39. Marilene,
    que maravilhoso poema e dueto!
    Interessante que percebi justamente o universo feminino e masculino bem claros, quase como respostas poéticas do universo do outro.
    Muito bom!
    Abraços aos dois :)

    ResponderExcluir
  40. oi Mari,

    que essa parceria seja eterna,
    adorei vocês juntos e misturados,
    remando a favor da maré...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  41. Marilene! se houver qualquer imagens que você gosta! Liguei para saber onde eles estão e eu ficaria feliz em enviar o
    Mesmo em criações pessoais

    Marilene ! s'il y a des images que vous aimez ! dite moi a quelle endroits elles se trouvent et je me ferais un plaisir de vous les envoyés
    Meme en creations personnelles

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...