14 de fevereiro de 2012

SEM PRESSA



                                               
                  Venha sem pressa, 
                  A prece de outrora
                  Já foi desfeita,
                  Não há espera
                  Não há colheita,
                  Foi em vão
                  O tempo da espera
                  E o coração cansado
                  Se lançou a esmo
                  Encontrando guarida
                  Sem lamentações


                  Venha sem pressa
                  Pois não há saudade
                  E já se foi o encanto,
                  O amor saiu do presente 
                  O passado reteve as lembranças
                  E o futuro é o hoje,
                  Onde não há acolhida
                  Para sonhos abandonados
                  E prazeres esquecidos


                                                      
                                                    
                  Venha sem pressa,
                  Pois como o vento, por aqui passará,
                  Sem nada levar,
                  O tronco forte se manteve ereto
                  As folhas caídas renasceram
                  Os frutos verdes amadureceram
                  Os versos desfeitos foram recompostos
                  E a vida ...  reconstruída




                                                             


(Imagens retiradas da internet. Se, inadvertidamente, estiver a ferir direitos, solicito seja avisada, para imediata regularização.)

42 comentários:

  1. Maravilhoso!

    Não tenho palavras para traduzir o que sinto quando leio seus poemas...
    Mas eles conseguem traduzir o que se vai em minha alma...

    Bjos.

    ResponderExcluir
  2. Olá Marilene. Linda, maravilhosa... poesia. O futuro é agora, e não há tempo a perder com lamentações passadas. Bjos.

    ResponderExcluir
  3. Beautiful creations Marilene

    Happy Valentine's day.

    Hugs, Joop

    ResponderExcluir
  4. Sem pressa sem sente a vida.Lindo seu poema.Parabéns.Estou sendo entrevistado no blog da Anne Lieri, se puder faça uma visita e conheça um pouco do meu trabalho, desde já lhe agradeço, link abaixo

    http://recantodosautores.blogspot.com/2012/02/recanto-entrevista-arnoldo-pimentel.html

    ResponderExcluir
  5. Un bonjour, afin de te souhaiter une
    Joyeuse Saint Valentin
    http://nsm07.casimages.com/img/2012/02/10/1202100632341250289420436.gif

    Bisous
    Chris

    ResponderExcluir
  6. Olá, sem pressa a recontruir, as flores no jardim, linda poesia, Srta! abraços

    ResponderExcluir
  7. A pressa nessa hora só atrapalha...Lindo! beijos,chica

    ResponderExcluir
  8. Marilene, bom dia!
    Às vezes não acreditamos quão fortes somos, mas somos sim, e essa força se faz sempre presente quando mais precisamos, mas sabemos de onde vem, quem acredita, quem tem fé, sabe de onde vem a força para reconstruir. Lindo poema, emana força, sabedoria. Um dia lindo pra você, bjs

    ResponderExcluir
  9. Se o amor e a paz estão presentes,,,,nunca devemos ter pressa,,,temos que viver o momento...beijos de bom dia pra ti amiga.

    ResponderExcluir
  10. Marilene, sem demagogia, sem querer ser repetitiva, tenho que confessar que é mais uma poesia sua que veio de encontro a mim.
    Sabe, preciso me fortalecer, me sentir como nos versos finais de sua poesia, pois sei que ele ainda há de passar por aqui (pertinho de mim), e quero que me reencontre com a vida reconstruída.

    Ao te ler, carrego pra dentro de mim uma energia que se faz necessária ao meu momento.
    Obrigada.

    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  11. Bom dia,Marilene!

    Querida poetisa que poesia linda e forte!!!
    Ainda bem que a vida pode ser sempre recostituída!Pra mim é uma benção!
    Beijos!!!Tudo de bom!!
    *Lindas as imagens!

    ResponderExcluir
  12. Mari, saudades minha amiga!

    Quando o encanto abaca precisamos nos refazer e o que antes fomos, já não nos interessa mais, pois passamos a pertencer ao presente :)

    bjos de luz e carinho.

    ResponderExcluir
  13. Sua poesia , de uma forma tão feminina, doce
    mostra todas as fases de um Amor que faz a diferença.

    Obrigada pelo alento!

    beijo

    ResponderExcluir
  14. Bom dia, penso que nos dias de hoje, que estão tão corridos, se ficarmos fazendo tudo sem pressa, acabamos derrotados pelo relogio do tempo e ficamos para tras...Venha com pressa de amar, de viver, de ser feliz sempre, antes que o relogio pare de bater...bjinhos

    ResponderExcluir
  15. Olá Marilene! Poesia muito bela, como sempre. Uma ótima terça! Bjs

    ResponderExcluir
  16. Esse poema tem muito a ver com o que estou sentindo, muito mesmo! Mas não me identifiquei com a última estrofe-apesar de bela também- as folhas continuam caídas... não tenho mais esperança.

    Parabéns, Marilene!

    ResponderExcluir
  17. Marilene, poema lindo como todos os outros.
    Melancólico as vezes, mas maravilhoso, perfeito, adorei!
    Beijinhos e linda semana.

    ResponderExcluir
  18. Marilene que lindo seu poema...
    Venha sem pressa, saltitando de alegria, fé e esperança e colherás o melhor que a vida tem a oferecer...
    Abraços
    Giovanna

    ResponderExcluir
  19. Lindo como sempre Marilene, venho aki confiro, me encanto e sempre penso "meu Deus de onde vem tanta inspiração?!" rsrs Parabéns Bjos

    ResponderExcluir
  20. Um de seus melhores poemas, Marilene. A estrofe que o fecha é uma carga de pura emoção. Parabéns.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Recebo as manifestações do poeta com grande carinho. bjs.

      Excluir
  21. Quando o amor se acaba, também se acaba a pressa...
    Magnífico poema, gostei imenso querida amiga.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  22. Marilene (pra não variar) rs Você é ótimaaa com as palavras! :)

    Venha sem pressa colher o agora. Um convite a viver o hoje.

    Todos os seus poemas são de uma precisão e beleza única.
    Fico admirada com seu talento, essa maneira que tão bem reune as palavras,
    que dão forma e sentido aos versos do seu poema.
    Você sabe muito bem as expressar. Parabéns!


    Beijos kerida e uma linda semana
    cheia de isnpiração pra voce!:)
    adoro suas poesias!

    ResponderExcluir
  23. Olá Marilene,
    Venho sem pressa para colher esta leitura agradabilíssima de seus belos versos.
    Encantamento e sensibilidade, eis o que são seus poemas tão lindos!
    Amei! Poema e imagens se unem a dar maior vigor à mensagem passada pelo mesmo.
    Querida, quero convidá-la a conhecer meu novo blog. O RECANTO DA POESIA é onde publico meus trabalhos poéticos. Ficarei imensamente honrada e feliz com sua presença por lá. Espero que gostes.
    Um grande beijo,
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  24. um poema de um amor que se acaba, mas onde resiste a esperança de um novo amanhecer.
    as imagens muito bonitas.
    um beij

    ResponderExcluir
  25. Marilene!
    Que saudades de passar por aqui, querida!
    Adorei esse poema com ar de renovação e construção de novos passos!
    Um beijo enorme!
    E uma semana de luz!

    ResponderExcluir


  26. Hoy día del amor y la Amistad me detengo a tú lado, para sentirme arropada por el calor y el afecto entrañable que se respira en este tu espacio.

    Para los enamorados;
    que lo han estado,
    para los que lo están,
    y para los que pronto
    lo estarán.

    Para todos ellos!!

    ¡¡Feliz día de San Valentín!

    Muackkkkkkk
    Muackkkkkkkkk
    Muackkkkkkkkkkkkk

    De esta tu siempre amiga…

    María del Carmen



    ResponderExcluir
  27. Oi!Que linda poesia. Não tenha pressa, mas venha. Bjs

    ResponderExcluir
  28. Com tanta pressa temos, tornando, por escrito e deixar nossa voz ouvida no silêncio da eternidade, que esquecemos a única coisa realmente importante: viver...

    beijos

    ResponderExcluir
  29. Um dia repleto de paz e muito carinho pra você minha amiga querida...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  30. Bom dia,Marilene!!!!

    Tenha um dia cheio de amor e luz querida poetisa!!!!
    Beijos!!!Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  31. Olá,Marilene.Essa é minha primeira visita ao blog.Vi seu link em outro blog e resolvi vir conhecê-lo.Adorei seu blog e já estou lhe seguindo.Seu blog é muito bem organizado e suas postagens muito bem elaboradas.Parabéns pelo excelente conteúdo do blog! Te convido a conhecer meu blog e segui-lo também.Aguardo sua visitinha!
    Bjs!
    Zilda Mara
    @ZildaPeixoto
    http://www.cacholaliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Olá Marilene,
    como sempre, forte e romântica. Acima de tudo um texto sensível e bem redigido!!!
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  33. Oi, linda!
    A vida seguindo sua própria história.
    Beijo, em divina amizade.
    Sonia Guzzi

    ResponderExcluir
  34. Sem pressa, dando espaço para novos momentos... e deixando que os dias reconstruam pouco a pouco a fragilidade que ficou...

    Lindo minha amiga
    beijos
    cvb

    ResponderExcluir
  35. OI MANA,

    Lindo o poema, que mostra superação e arte de saber viver. Quando um amor termina não há razão para estagnar-se no desencanto e, sim, buscar-se novos caminhos, por onde a felicidade espreita, aguardando espaço para entrar. Lembranças são boas, mas viver delas é renunciar ao momento presente e à vida.

    Faço coro quanto à beleza e da última estrofe, que fechou o poema com chave de ouro.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  36. O amor nunca tem pressa...lindo.
    Beijo Lisette

    ResponderExcluir
  37. Que magnífica poesia de amor!Adorei este seu blog tb!Bjs,

    ResponderExcluir
  38. ...Descubra sem pressa tudo que preparei sem pressa para te entregar quando você chegar.

    Beijos, Mari!

    ResponderExcluir
  39. Lindo o amor assim sem pressa, como sempre romântica, sensível. Parabéns poeta.
    Bjs

    ResponderExcluir
  40. Olá!Boa noite!
    Lindo!
    Mostra nos a superação e o saber viver. Quando um amor termina não há razão para parar no tempo. Porém sem pressa!O encanto volta!
    Boa quinta!
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  41. há urgências que abrem ravinas e desfiladeiros. conheçamos os territórios que pisamos, pois. sem pressa.

    beijinho!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...