17 de março de 2012

UM OLHAR



                                                            
                      Efêmera imagem
                      Da qual ficaram os olhos
                      Gravados, cravados,
                      Trazendo chama 
                      A um coração encantado

                      Como chegou, partiu,
                      No colorido apressado
                      Da multidão,
                      E a ilusão
                      Vislumbrou a paixão
                      Repentina,
                      Quebrada, rasgada,
                      Qual serpentina no salão
                      Em pleno carnaval

                      Foi tudo um sonho
                      Criado em cálida esperança
                      Num esbarrar fortuito
                      Que não logrou reter
                      Além daquela imagem
                      Qualquer outra ventura
                      Senão esse querer,
                      Imperativo,
                      De encontrar, mais uma vez,
                      Em meio à turbulência,
                      Aquele mesmo olhar

                                                                      (Marilene)

54 comentários:

  1. O presente já é tua linda poesia querida Mari.... e teu voto de hoje foi computado com sucesso. desejo-te um final de semana com muita poesia e largos sorrisos. beijos no coração!

    ResponderExcluir
  2. Muito linda poesia!!Um ótimo fds,beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Olhar que poderá voltar no momento certo pra ficar.Lindo poema, beijos.

    ResponderExcluir
  4. Naquela imagem, algo triste
    Que não consigo diferenciar
    Rosto encantado que não resiste
    Dos motivos que não sei decifrar

    Como chegou partiu
    Rasgado de paixão
    Triste olhar viu
    de magoado coração?

    Bom fim de semana,
    Um abraço,
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  5. Parabens Mary, mais uma belissima poesia!

    Lindo final de semana pra você e sa familia!

    ResponderExcluir
  6. oi linda poetisa, muito linda,
    álias todas as poesias são todas dignas de aplausos, parabéns

    ResponderExcluir


  7. Te deseo un intenso y placido fin de semana acunado por la armonía del descanso.

    Me he paseado por el jardín del olvido y he reunido las flores más bellas que se han abierto a la luz de la esperanza para ti...

    Un abrazo de azucenas
    Un beso de azaleas
    Esporas de amistad
    Aromas de sentimientos

    Cuidalas con esmero

    María del Carmen



    ResponderExcluir
  8. Você cada vez mais se supera, Marilene! Olha, pode ser pieguice minha, mas fiquei bem emocionado ao ler este seu poema, que é mais um dos que falam por mim. Porém, no meu caso, ficaram além dos olhos dela, seu sorriso, seus cabelos, sua voz... também a saudade do tempos em que nos entendíamos, que éramos fãs um do outro...

    Seu poema é sublime!
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  9. Um olhar que busca no infinito versos e imagens de amor..beijos de bom sábado pra ti amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um poema cheio de ritmo, nessa busca incessante pelo olhar desejado.
      belo.
      beijinho

      Excluir
  10. Ah, os olhos que se abraçam
    Pra de novo se perderem...
    São juras que ao longe passam,
    São tudo... sem nada serem.

    Beijos, Marilene.

    ResponderExcluir
  11. Olá Marilene,
    não canso de dizer: sou seu fã!
    poesia é aqui!
    um grande abraço

    ResponderExcluir
  12. um pequeno olhar... em meio a multidão, faz toda a diferença.
    perfeito

    Abraços e um lindo domingo pra ti
    Giovanna

    ResponderExcluir
  13. Olá!Boa noite!
    Olhar...o que seria de nós sem o olhar!
    Fui lá!Pelo estilo de poesia...meu voto foi seu!Lindo!
    Bom final de semana!Bom domingo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olhar fugaz, mas profundo, desperta labaredas na alam e desperta o desejo de retê-lo.
    Misterioso e sedutor olhar na multidão, encanta, vc o sabe bem, Mari.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  15. Olá, Marilene. Desculpe a ausência! Problemas com conexção. Hoje com dificuldade estou coseguindo postar comentários. Saudades amiga!! Amei o poema. Belissima inspiração! Há um olhar! Profundos sentimentos muitas vezes nos fascina e faz sonhar. Olha! vou deixar meu voto la no pena de ouro pra vc. Bjos e bjos no seu coração! Boa sorte e bom domingo.

    ResponderExcluir
  16. Boa noite, poetisa amiga. Através de um olhar dá-se a volúpia de um encontro, o afã do reencontro, e um coração acelerado esperando por mais, que sequer sabe se irá acontecer.
    Lindo poema, e nesse turbilhão, o amor pode se fazer bem presente.
    ESTÁ ESCRITO! RS!
    Um beijo, e fique na paz de um domingo abençoado.

    ResponderExcluir
  17. Sigo sua irmã e fiquei sensilizd pela sua poesia, meu voto foi dado. Bom domingo.

    ResponderExcluir
  18. Lindo domingo prá ti amada!!!!!!!!
    Cheirinho bom de dia de domingo...dia de visitar os amigos queridos e amados,dia de ler mais para se encantar e viver em plenitude...
    Hoje abraço com mais ternura todo esse poema,pois teu jeito peculiar de fazer poemas nos encanta...
    bjssssssssssssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  19. Oi Marilene...
    Parabéns e linda poesia...
    Hoje agradeço a você que carinhosamente
    desejou-me feliz aniversário.
    Foi um dia muito feliz por descobrir
    que tenho pessoas maravilhosas que me cercam..
    uns bem perto, outros bem longe..
    não importa a distância e sim o carinho..
    isso é um presentão de Deus na minha vida!
    Arigatou né! Eu Simplesmente adorei!!!Ótimo Final de Semana!
    Beijos!
    San...

    ResponderExcluir
  20. Busca do amor, lindo!
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  21. Y ahi queda eso... tan simple y tan maravillosa, esto es arte si señor!!!

    ResponderExcluir
  22. Simples e maravilhoso.
    beijos querida ****

    ResponderExcluir
  23. Um belo domingo e uma semana repleta de paz pra ti minha amiga...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  24. Quero lhe parabenizar pelo premio pena de ouro. Comcerteza seu poema foi merecedor. tbm achei lindo o seu blog. Deixo este humilde presente pra vc. http://confraternizacao.dado.vilabol.uol.com.br/ausencia.html

    ResponderExcluir
  25. Olá Marilene! Belo poema. Parabéns! Ótimo domingo! Bjs

    ResponderExcluir
  26. Quando percebemos "aquele mesmo olhar"!!!
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  27. Marilene, Querida

    O olhar (um olhar) é sempre a chave para se encontrar ou reencontrar o Amor.
    Só necessitamos buscar o encontro dos olhos no momento certo.

    Beijos

    SOL
    http://acordarsonhando.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  28. Oi Marilene,

    já estive lá na votação e vi que você já venceu a primeira etapa! Parabéns!
    Merecedíssima vitória!
    Voce escreve muitíssimo bem! Com encantamento, poesia e emoção!

    Sobre o poema de hoje, você descreveu um lampejo de paixão em meio à multidão. LIndo!

    Beijos e boa semana!

    Leila

    ResponderExcluir
  29. OI MANA,

    PARABÉNS PELA EXCELENTE CLASSIFICAÇÃO NA 2A. FASE DO PENA DE OURO! Você mereceu!

    Belíssimo poema e linda imagem.

    Este olhar, não obstante efêmero, abraça nosso coração, deixando-nos na doce
    expectativa do reencontro.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  30. O primeiro beijo não é com suas bocas, mas com o olhar...

    beijos

    ResponderExcluir
  31. Lindo demais Marilene, mais uma obra prima, meu votinho está lá por vc e minha torcida tbém! bjooos Ótima semana

    ResponderExcluir
  32. Olá Marilene, belo poema...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  33. Que bom quando encontramos aquele olhar. Parabéns pelo encanto de texto.Tenha uma linda semana.Bjs

    ResponderExcluir
  34. Marilene,
    posso parecer lunática, mas acredito que os sonhos podem se tornar realidade, e que uma imagem, aquela vivida por pensamento, pode se concretizar diante de nossos olhos famintos pelo concreto, mesmo que diferente, mas possível. Lindo poema!

    Marilene, digo a ti a mesma coisa que falei lá na Verinha, estou no maior gripão, acabei deixando para hoje minhas visitas aos blogs e nem imaginava que estavas concorrendo com um poema, é claro que votaria em ti, mereces, mas infelizmente... :(

    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  35. Uma excelente segunda feira pra ti minha amiga querida e uma semana repleta de bons acontecimentos...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  36. Bom dia,Marilene!

    Que belíssima poesia!!!!Um olhar...tanta impressão,inspirando belos versos!
    Versar as emoções não é uma tarefa fácil!Precisa ter talento,ter sensibilidade!Coisas que tens de sobra minha querida!
    Beijos!Bom início de semana!Até sexta!

    ResponderExcluir
  37. Bom dia Marilene querida


    Passando pra dizer que adorei a poesia e pra te desejar uma semana maravilhosa.

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  38. É um olhar eternizado, já que se acontecer, é uma vez na vida, e olha lá! rs
    Adorei, me lembrou do brilho de um deles.

    Beijos amiga!

    ResponderExcluir
  39. Oi Mari, querida, boa tarde!

    Passando pra te ler e levar comigo um pouco deste lirismo inerente nestes versos tão belos.
    Um olhar no tempo pode fazer milagres!

    bacios, cara mia
    carinhosamente
    :)

    ResponderExcluir
  40. Com muito carinho agradeço sua amizade
    desejo a todos nós uma semana abençoada e feliz.
    beijos no coração.
    Com saudades pois tive que me
    mais espero marcar minha presença sempre.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  41. Mais um magnífico poema.
    Talento e criatividade poéticas não te faltam...
    Marilene, querida amiga, desejo-te uma excelente semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  42. Vim desejar a você uma ótima semana!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  43. Amiga estou montando a 3ª edição do BBB e conto com a sua participação. Este evento sera um pouco diferente dos outros que ja realizei.

    ResponderExcluir
  44. Olá querida e sorridente Marilene,

    Sua poesia não é fácil de entender, assim à primeira vista, ao primeiro olhar, direi. Mas, depois de um primeiro olhar, vem um segundo, e cá dentro reina a paz, e chega aquela luz, que todos nós já experimentámos, um dia.
    É coloquial, sem dúvida, mas nosso cérebro é para pensar.
    "É Imperativo o Amor", é nome de um poema de um poeta Português, e mesmo no meio da turbulência, ele chega, chegará, se for genuíno, verdadeiro.

    Boa semana.
    Beijos da mais pura luz.

    ResponderExcluir
  45. Marilene...

    Fico muito feliz ( li no blog da Vera ) que voce foi classificada.]
    Eu te peço desculpas. Eu perdi a sua postagem que dizia que vc tava participando.
    Mas tenho certeza que foi justo o resultado.
    Vc escreve lindamente, o exemplo esta no poema acima.

    Um beijo..

    ResponderExcluir
  46. Agora sim já posso felicitar, já fui ver o resultado: Muitos parabéns.
    Bjs

    ResponderExcluir
  47. Já viu que algumas imagens, mesmo que efêmeras, deixam marcas eternas na memória!? É demais!!!

    Estava comentando com a Vera que infelizmente por minha ausência na net, não votei em vc. Pois fiquei sabendo já atrasada, do concurso... mas, ela me escreveu que vc foi a primeiríssima colocada... que lindo! Parabéns!!! Pode garantir meu voto na final! :)

    bjks

    ResponderExcluir
  48. Marilene,
    voltei para te agradecer pelos comentários e também pela preocupação com a minha gripe, a febre já cedeu, mas realmente tenho um cansaço... rsrs
    Muito obrigada! Pessoas como você, que se preocupam com os outros e demonstram isso em gentileza é que podem tornar esse mundo um lugar melhor!
    Beijos, muitos!
    Ótima semana!

    ResponderExcluir
  49. "Os olhos viram, o coração sentiu: a mente tatua"

    Belo poema! :)

    beijo luz**

    P.s.:
    Ah estive ausente, estou meio atrasada.. ainda ha tempo pra votar na poesia, ou já deu o tempo?

    ResponderExcluir
  50. Olá!Bom dia!
    Já que comentei acima!
    Vim desejar uma boa terça!
    Muita paz e luz!
    Vou manter o voto
    Beijos

    ResponderExcluir
  51. Adorei seu blog.
    Ele é lindo,já estou te seguindo.
    beijos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...