12 de setembro de 2012

LOUCA DESPEDIDA

(Photography by Salvador Pozo)

                                           

                             Abraçou a saudade
                             Para a derradeira dança,
                             Ao som de conhecida melodia

                             Rodopiou nas lágrimas
                             Divagou na fantasia
                             E na insanidade do momento
                             Amou, até a exaustão,
                             A companhia do tormento

                             E foi assim, 
                             Com os olhos fechados,
                             Que mergulhou, pela última vez,
                             No mar da tristeza,
                             Para se despedir do passado
                             

                                                             Marilene

71 comentários:

  1. Marilene, querida!
    Espero que esteja tudo bem.

    Fiquei pensando na imagem da entrega total a um sentimento limite como a tristeza, para assim descarregar-se dela, para o novo que virá.
    Quase uma morte pelo cansaço e exaustão de um sentimento para o prenúncio de um novo caminho.
    Belo e profundo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Legal!
    As vezes precisamos nos despedir do passado e de suas tristezas, para olhar pro futuro, com alegria e novos sonhos!


    Parabens amiga Mary! Deus abençoe seu dia!

    ResponderExcluir
  3. A tristeza se foi e ficou o nascer do amor, linda poesia, abraços

    ResponderExcluir
  4. Oi Marilene
    Só tenho uma palavra para vc MARAVILHOSA, nossa vc usa a metáfora tão bem em suas poesias. Fiquei pensando, como é abraçar a saudade? kkkkkkk. Lindo poema!
    Bjão. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  5. Quando conseguimos nos despedir dele, avançamos vários passos...LINDA inspiração e poesia!beijos,chica

    ResponderExcluir
  6. Belíssimo poema! Um mergulho necessário, para que se possa recolher as últimas algas, rever os peixes e suas cores luminosas, e fechas as últimas conchas...

    ResponderExcluir
  7. As despedidas nunca são boas,,,a menos que sejam por um bom motivo...assim como se despedir de um passado que incomoda...melhor é mergulhar e esquecer....beijos e um belo dia pra ti amiga.

    ResponderExcluir
  8. As vezes é necessário isso! Ir ao fundo, beber até a última gota do fel, para descobrir que há outros sabores. Mas para muitos só é possível isso quando o cálice de dor e tristeza for esgotado, e não é uma questão de escolha, mas de necessidade.
    Lindo como sempre Marilene
    bkjs doces

    ResponderExcluir
  9. Wow!!! Amazing!!!!!!


    Nicole

    www.nicoleta.me

    ResponderExcluir
  10. Amou, até exaurir
    Ao som de triste acalanto
    A última gota do pranto
    Oculto em falso sorrir;
    E no abraço da saudade
    Mergulhou na insanidade
    Buscando novo porvir.


    Inspiradores os teus versos. Como sempre.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre me encanta, querido poeta! Obrigada poe mais esse presente. Bjs.

      Excluir
  11. Por causa de louca despedida
    Deixa triste o coração
    Não queiras ficar no mundo perdida
    Por causa de qualquer confusão!

    Investiga antes da partida
    Não caias na tentação
    Ouve bem essa linda melodia
    Não vivas triste na ilusão!

    O que te dizem escuta
    Com muita atenção
    Não andes na noite escura
    Vive feliz com a tua paixão!

    Boa quarta-feira para você,
    amiga Marilene.
    É lindo o poema,
    Fiquei triste
    Com a louca despida
    Mas adorei o tema!

    Um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  12. Oi Marilene!
    Que lindo menina! Muitas vezes se faz necessário nos despedirmos desses momentos de dor e tristeza para não embassar a visão do belo que temos pela frente.
    Beijinhos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  13. Olá querida Marilene,

    Antes de comentar, lhe digo que fiquei deliciada com a imagem, que encima sua poesia.
    Que fascínio de movimentos e que cores!

    Quanto ao seu bem estruturado poema, opino, que é importante saber sair, saber se despedir, no momento certo, mesmo que seja a última dança.

    Entre lágrimas e saudade, o importante é saber partir.

    Beijos da Luz, com apreço.

    ResponderExcluir
  14. Maravilhoso! Submergir o passado de tormentas, para emergir em primaveras.
    Amei!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Querida, que linda entrega.Corpo e alma unidos para despedir-se, em tristeza, de um sentimento parte de um lindo passado.
    Este é o primeiro e definitivo passo para o recomeço.Fizestes da poesia um mar de sensações.Simplesmente belo.
    Brisas e flores para você
    Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  16. Boa Tarde Anjo Lindo.
    Hoje venho agradecer o carinho deixado no meu blog pelo meu aniversário.
    Agradeço a Deus por ter sua amizade e carinho muito tem me ajudado a romper
    muitos momentos difícil pelo qual tenho passado.
    A amizade é tudo nesses momentos conhecemos o carinho da amizade Sincera.
    Beijos no seu coração.
    Meu eterno agradecimento,Evanir..

    ResponderExcluir
  17. Boa tarde, Marilene. Um amor que não deu certo sempre fica na hora da despedida um tremendo sacrifício para partir e cruzar um outro caminho, uma vez que as lembranças são fortes demais e o amor muitas vezes ainda existe, mas a realidade de permanecer é quase impossível.
    Último olhar, última palavra, último abraço. Tudo isso é feito com profundidade, como se agarrássemos em um fio esperando que o tempo nos conduzisse para o anterior brilho do olhar, das palavras amenas, da gentileza!
    Enfim, não deu, infelizmente ou felizmente, só Deus sabe!
    Beijos na alma e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  18. Marilene

    Abraçar a saudade!!! Como imagem poética parece-me o máximo a valer todo o poema. Para maior tranquiladade executar a última dança, se despedir do do passado, num mar de tristeza.
    Infomo que o TOPO SECRET OLAVO, tem novo capítulo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Oi, Marilene! Tem momentos em que, se não nos despedimos do passado, fica impossível viver bem o presente. Esse momento muitas vezes vem carregado de dor, porque gostamos de estar morando no conforto das lembranças, esquecendo que elas não nos preenchem por inteiro. Um abraço!

    ResponderExcluir
  20. São meus esses versos! Ando assim ultimamente, com medo de deixar uma lembrança, que já não faz mais parte... Belo!
    Escreves com maestria. Obrigada por compartilhar.

    Paz, luz e poesia.
    Forte abraço.
    Tati.

    http://tatian-esalles.blogspot.com.br/

    Att.

    ResponderExcluir
  21. Li com gosto esse post seu, que pra mim evocou um texto muito antigo segundo o qual existe: "Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar" (Eclesiastes 3:4).
    Sua inspiração poética devia estar no tempo do choro, o que então é normal e ainda rende versos de apreciável beleza, como estes.

    ResponderExcluir
  22. Olá, Marilene!

    Jeito estupendo de se despedir.

    Bonita poesia, como sempre.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  23. A Saudade sempre foi das melhores musas inspiradoras.
    Uma despedida em "grande estilo"... Bela!
    Beijo,Marilene,
    da Lúcia

    ResponderExcluir
  24. Oi Marilene,

    Boa noite! Senti com a imagem um sentimento sensual, mas ao mesmo tempo reservado pela sutileza do gesto. Quanto ao texto, não entendo que possamos nos despedir do passado e nem mesmo colocá-lo embaixo do travesseiro. Não tenho medo dele ou acho que é irrevogável, mas acho que ele vem só com trecho de chegada. E não admite também troca, então será como água, necessário para viver.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  25. E um dia passamos por isso.... sabemos bem...

    Beijos querida!

    ResponderExcluir
  26. Já te falei quanto és fantástica, sim?! Belíssimo poema!
    Bem, passei bons meses longe, não é?! A faculdade, alguns probleminhas pessoais, novidades e mudanças me deixaram com o tempo escasso. Pense numa maratona, é a vida. Bem, há algum tempo que não passo por aqui. Se observar, até o meu perfil é novo. Ou seja, perdi todos os blogs que seguia. Fui então, nos arquivos antigos de meu blog, para encontrar você e alguns bons amigos nossos nos comentários lindos que me deixavam. Só assim pude vir até aqui para escrever-lhe, me aconchegar no teu cantinho e te seguir novamente, claro! Assim não te perco de vista.
    Beijos,
    Débbie.

    ResponderExcluir
  27. Às vezes é chegado o momento da despedida...
    É a lei da vida!
    Bjssss

    ResponderExcluir
  28. Minha linda !!!!
    Na calma das palavras encontra-se mais uma despedida com o abraço da saudade...
    lindo demais a forma como transcreve mais esse poema ...
    bjssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  29. .


    Caso tenha sido um passa-
    do triste, que nada sobre
    na lembrança. Marilene,
    agora me diga francamente;
    O que você faria se ele
    trabalhasse como um lou-
    co, a amasse como poucos,
    mas quizesse para si o
    melhor da festa?

    Saiba na minha postagem
    de hoje.

    Beijos,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
  30. Beijos carinhoso de bom dia pra ti minha amiga querida,,,

    ResponderExcluir
  31. Os momentos de tristeza que vivemos sempre mergulham no passado, por isso que temos sempre o amanhã.

    Lindo, Marilene.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  32. Olá poetisa querida minha.
    Te ler é presente e acho que já disse, ou não mais é.
    Gosto de caminhar na tua poesia, porque aprendo o raro e o bom.

    Um beijo Mari

    ResponderExcluir
  33. Bom dia que lindo amiga...
    Voltando a ler vc isso é muito bom...desculpe a demora em retornar...
    Um lindo dia...
    bjus
    Lucinha
    http://sonhosecarinhosdetimel3.zip.net

    ResponderExcluir
  34. Hemosos versos llenitos de profundos
    sentimientos del alma que estallan en
    el instante de decirle adios al ayer.

    Me llevo la nostalgia y te dejo un
    ramillete de esperanzas.

    Un beso amiga Marilene.

    ....•¦♥¦•.....•¦♥¦•.....•¦♥¦•.....•¦♥¦•....

    ResponderExcluir
  35. Thank you for your lovely comment on my blog.
    Would you like to follow each other?

    Lots of love,

    Nicoleta

    www.nicoleta.me

    ResponderExcluir

  36. Olá MANA,

    Lindo! Lindo!
    É uma despedida dolorosa, mas necessária. Chorar até a última gota para livrar-se da dor e das lembranças e poder recomeçar.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  37. Thank you sooooo soooooooo much :)

    Glaldy follow you back :)

    Nico

    www.nicoleta.me

    ResponderExcluir
  38. Olá, Marilene.
    A saudade pode nos atormentar ás vezes, mas é preferível a dor de senti-la do que ter de suportar o vazio de jamais ter amado.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  39. O mais triste de uma despedida é a incerteza de uma volta.
    Em cada despedida existe a imagem da morte.

    bjs

    ResponderExcluir
  40. Amar é estar vivo.... E tudo começa e tem um fim.... E recomeça outra vez.... Triste e lindo! Obrigada pelo carinho e pelos comentários sempre tão gentis!
    Desculpe pela demora em responder!....
    Um abençoado e feliz final de semana!
    Abraço carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. Marilene, um poema lindo e 100% verdadeiro, presente na vida de todas as pessoas. Beijos e boa sexta.

    ResponderExcluir
  42. Um belo final de semana pra ti minha amiga,,,entre flores e versos....beijos.

    ResponderExcluir
  43. Bom dia,Marilene!!!

    Ah!!!Minha amiga poetisa, não poderia ser mais perfeito!!!Poema belíssimo!
    Fiquei sem fôlego!Saber se despedir do passado é sabedoria, é poder sempre renascer,recomeçar...isso é ser livre.
    Imagem em plena sintonia.Te admiro,minha querida, de todo o coração!!
    Beijos!!ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  44. Linda Marilene!
    É uma loucura sua poesia, ela me faz ir além do que está escrito.
    Vou além, sempre além, gosto disso, gosto do que ela faz com meu coração e com minha imaginação.
    Nunca falei das fotos, mas sempre elas casam perfeitamente com o poetar, lindo demais, essa então parece a continuidade da poesia...LINDO DEMAIS!
    Um grande beijo em seu coração.

    ResponderExcluir
  45. Uma mensagem lindíssima, num poema também lindo, que se despede do passado.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  46. OI AMADA!!! LINDO !TRISTE !O QUE DIZER?
    ____8888___88888888___8888
    ___888888_8888888888_888888
    ___888888888888888888888888
    ___888888888888888888888888
    ____8888888888888888888888
    _____88888888888888888888
    _______8888888888888888
    _________888888888888
    ______________**
    ____####______**______####
    ___#######____**____#######
    ____#######___**___#######
    ______######__**__######
    ________#####_**_#####
    __________####**####
    BEIJO NO CORAÇÃO DEUS TE ABENÇOE!!!
    JESUS TE AMA!!!NÃO ESQUECE TÁ!

    ResponderExcluir
  47. mas, é mesmo assim1
    por vezes temos de nos despedir (mesmo) do passado, para voltarmos a sorrir.
    um bom fim de semana.

    beijo

    ResponderExcluir
  48. Que coisa linda, Marilene!
    Adorei. Se permitires, gostaria de partilhar no meu facebook com os devidos créditos, claro.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  49. Poema belíssimo! com uma mensagem muito importante.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  50. Ainda bem que se despediu, de trevas jamais. Nossa tá tudo novo aqui, nem reconheci de tanta mudança. Tá ótimo, gostei muito. Como sempre poemas que adoro, numa forma própria de escrever que me agrada. PARABÉNS.

    ResponderExcluir
  51. Muito bonito Marilene. Já tinha saudades de te ler.

    Um grande beijinho
    cvb

    ResponderExcluir
  52. Olá Marilene!!
    A mana ( Vivian - Flores e Livros )tinha mesmo razão, que eu encontraria maravilhas.
    Cheguei por aqui, e já me senti em casa.
    Sou apaixonada por poemas românticos e sensuais. Já vou logo pedindo licença para postar este em especial em minha página no facebook Inspiração.
    Voltarei mais vezes com toda a certeza.
    Lindo aqui.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  53. Oi Marilene!O passado deve ficar no passado,mesmo que se despedir dele seja assim tão doloroso.Do passado só a experiência.Belos versos!Um beijo e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  54. O passado deve ser um lugar que sirva apenas de referência mas nunca um lugar onde devemos ficar...Tem muita gente presa nas teias do passado e não são felizes!

    Um beijo e um ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  55. Oiie,desculpe a demora em vir lhe visitar,foi por motivos de força maior!!!
    Nossa teu blog é um espetáculo de chik rsrs!!!
    Amadinha tenha um fim de semana abençoado!!!
    Ah e já sou sua seguidora!
    Bjus no seu coração...

    http://aninhavitoriosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  56. Marilene, um dia eu fiz isso, rodopiei, e ao completar a volta, fechei um ciclo e sabe o que havia no recomeço? Alegria e luz!

    BEIJOS

    ResponderExcluir
  57. Marilene, mais uma linda e tocante poesia!
    Saber o momento certo de dar as costas ao passado e trilhar novos caminhos em busca da felicidade.
    Amo te ler!
    Beijo

    ResponderExcluir
  58. Marilene, mais uma linda e tocante poesia!
    Saber o momento certo de dar as costas ao passado e trilhar novos caminhos em busca da felicidade.
    Amo te ler!
    Beijo

    ResponderExcluir
  59. Linda poesia!
    Despedir-se do passado,a gente acha que nunca vai acontecer,mas um ia enfim,acontece.
    Um ótimo final de semana Marilene,abraço,=)

    ResponderExcluir
  60. WOW that photo is incredible!

    Jessica
    http://www.jumpintopuddles.com

    ResponderExcluir
  61. A Paz de Cristo,

    Visitar seu blog alegrou meu coração as suas palavras contagiam.
    Te espero no meu cantinho, vc é especial para o Blog Fruto do Espírito.

    Com todo afeto esperando sua visitinha... e também sua presença como seguidora, retribuirei o carinho!

    http://frutodoespirito9.blogspot.com/

    ***Lucy***


    P.S. Visite também:

    http://discipulodecristo7.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  62. É preciso se despedir do passado para poder viver intensamente o presente.
    Minha amiga, teus versos me encantam!!!!
    Tenha um lindo fim de semana!
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  63. Um belo sábado pra ti minha amiga,,,com poesias e carinhos....beijos e flores...

    ResponderExcluir
  64. kkkkkkkk Oi Mari, já que fui absolvida por ti tb, fico mais aliviada. rsrsr

    Então, eu cometi mais uma travessura ontem. Foi justamente colocar o mistério (para os leitores do Coluna), darem suas opiniões. Mas como vc já viu, eu já tinha revelado aos leitores do Escritos a megera ASSASSINA kkkkkk

    beijos lindeza e obrigada por teu carinho e amizade e também por saber-te minha leitora!
    ******************************************************************

    Bom, agora falemos do teu poema:

    Pra começo de assunto que imagem estonteante é essa??? PLOFT!

    Aonde você vai achar essas belezas hein lindona? Meus sais hein?

    Depois segui lendo teus versos concisos, alarmantes, deliciosos, melancólicos, reveladores e porque não dizer de grande qualidade?

    Teus poemas seguem uma linha que vai do romântico abandono ao despertar corajoso da mulher, sentindo-se outras e pronta para um re(começo)

    Estas são as tuas descobertas poéticas Mari, que eu aprecio demais.

    Bacios cara mia e tenha um super fim de semana
    :)

    ResponderExcluir
  65. É um momento dolorido, mas de incrível libertação.
    Despedir-se do passado é renovar as paisagens do caminho.
    Marilene, a sua poesia é belíssima e vou acompanhar as suas publicações com enorme prazer.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  66. Ainda que triste é sempre importante se despedir de um passado que nao vale mas a pena!

    Lindo poema!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  67. Querida amei receber sua visita.
    Seu poema é maravilhoso, retorne para marcar presença.

    Já te seguindo, e esperando sua preciosa visita.

    Em Cristo,

    ***Lucy***

    ResponderExcluir
  68. Simplesmente amei ! Poesia digna de um livro !!! Excelsa !!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...