17 de março de 2013

PERFEITO?

(arquivo pessoal)

                                                           
                                            
                                      Porque não vivido
                                      Ficou arquivado
                                      Em um canto do peito.
                                      A tarja? Perfeito!

                                      Porque não vivido
                                      Não foi exaurido
                                      E nem trouxe dor,
                                      Apenas um triste
                                      Lamento de amor

                                      Porque não vivido
                                      Foi sempre objeto
                                      De comparação,
                                      De longe ganhava
                                      De outra emoção

                                      Porque não vivido
                                      Não trouxe o saber
                                      Do avesso contido
                                      Naquele querer

                                      Tornou-se a ilusão
                                      De tudo de bom
                                      E veio a afastar,
                                      Da realidade,
                                      Verdadeiros encontros 
                                      Com a felicidade

                                                                     Marilene

48 comentários:

  1. Olá!
    Querida Marilene
    nossa...essa imagem é muito linda!Belo escrito.
    sabe...eu penso que o homem não suporta viver constantemente a verdadeira realidade. É uma forma de fugirmos à vida real, e ao sofrimento , para contornar problemas sem esforço, sem luta, sem sacrifício. Muitas pessoas passam a vida toda vivendo na/de ilusão. Até dizem que querem realizá-la, mas quando há necessidade de sacrifício/dor não procuram meios para concretizá-la...por isso dizem que quando se está na ilusão , ninguém ousa sair. Só que mais cedo ou mais cairemos na real e percebemos que tudo que foi construído na base da ilusão desabará....e a vida precisa ser vivida mesmo sendo o que é...
    Bom domingo
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Lindo isso.Por vezes a ilusão pode atrapalhar a realidade...beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. BOM DIA DE DOMINGO MINHA QUERIDA !!!!!!
    A sensibilidade do poema nos traz reflexões e sensações profundas,dentro da mensagem do seu poema encontro.Sabemos que o amor é aquilo que o vento transmite ao fogo apaga as pequenas chamas mais inflama muito mais quando é grande ...
    bjs de dia de domingo !!!!!

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida!
    Parece que o "não vivido" sempre é maravilhoso e perfeito!
    Não joga em pé de igualdade com os já vividos.
    O não vivido beira a fantasia. E fantasiar é tão mais fácil... não é mesmo?!!
    Muito bom!
    Beijos, um lindo dia pra ti.

    ResponderExcluir
  5. Como é perigoso esse "Se";
    cria castelos maravilhosos,
    condões mágicos,
    espaços de sonhos,
    viveres fantásticos,
    e "se" não o vemos
    em sua verdadeira forma,
    quantos lamentos repetimos
    pela vida afora.

    Expressão conhecida e tão pouco percebida, né Mari?
    Mas,o belo poema que vc criou traz uma luz sobre ela.
    Bom domingo.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  6. Esos momentos no vividos son motivos de Fantasías y de cierta Utopía.
    La Realidad, también, tiene momentos que nos llenan de sensaciones mágicas.
    Precioso Post.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  7. Então que possamos viver os momentos com intensa vontade, de sorrir e amar simplesmente! abraços

    ResponderExcluir
  8. Oi, Marilene. É sabido que tenho um amor inacabado...isso me fez estar com pessoas erradas por carência, mas também me fez seguir em frente e tive outros momentos de felicidade com outras pessoas. Mas seria mentira eu dizer que o amor inacabado não permanece lá...um abraço!

    ResponderExcluir
  9. Não vivido, não existiu...nada deixou, nem ensinou.
    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Ual, Marilene... Muito lindo! Amei!
    Parabéns! *-* Mil beijos, até mais ;*

    ResponderExcluir
  11. Oi, querida Marilene!

    Tudo bem com você e família?
    Já tinha saudades suas, só que, profissionalmente, tenho andado bastante ocupada.

    Seu poema é como que uma reflexão filsófica, se assim o entendermos. Havia um filósofo/pensador, que já nem lembro o nome, que dizia que o não vivido era uma maravilha, contrapondo ao vivido.

    E é bem verdade, penso eu. Aquilo que não é vivido, experimentado, o imaginamoos sempre melhor e então aparece o célebre "SE".

    SE eu tivesse ido a Paris, teria sido tão aprazível e proveitoso, por exemplo.

    O "SE" É CONDICIONAL, É VERDADE, MAS É TAMBÉM ILUSÃO, ATÉ SER CONCRETIZADO.

    Bom domingo, com luz no olhar, e uma excelente semana de vivências, que queremos e desejamos positivas.

    Beijos da Luz, com carinho.

    ResponderExcluir
  12. se não foi vivido será sempre uma ilusão...

    uma boa semana.

    um beijo

    :)

    ResponderExcluir
  13. O que não foi vivido será sempre um sonho desejado.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
  14. Se a tristeza vier por qualquer motivo,
    Evite as sombras que ficaram para trás,
    olhe o caminho a sua frente e siga sempre.
    Assopre o pensamento triste,
    deixe escorrer a última lágrima,
    vá até o final do poço, mas volte renovado.
    Então respire fundo tirando da
    natureza a energia para elevar sua alma.
    E a paz que você procura será encontrada dentro de
    você onde DEUS deixou um pedacinho de si.
    Uma semana na graça e na paz de Jesus.
    Beijos no coração carinhos na sua alma.
    Evanir..Minha mensagem com muito Amor

    ResponderExcluir

  15. Olá mana,

    O que não é vivido é tido como o ideal, o sonho perfeito. Só que se tivesse sido vivido teria mostrado sua outra face, o outro lado da moeda.
    Não se pode deixar de abraçar vivências em razão de ilusões. Seria jogar fora vida, perdendo-se oportunidades únicas de aprendizado e felicidade.

    Lindo! Bela inspiração.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  16. Quando é mal vivido fica uma pontinha de frustração. Linda poesia minha amiga. Bjus pra ti.
    => Gritos da alma
    => Meus contos
    => Só quadras


    ResponderExcluir
  17. Precisamos, querida Marilene, da ilusão, pois só assim adoçamos a vida. Bjos.

    ResponderExcluir
  18. Olá, Marilene.
    O que não foi vivido, não foi sentido e também não foi assimilado, desta forma, não nos trouxe nenhuma forma de conhecimento ou mudança interna e não teve valor algum.
    Jamais podemos deixar de viver algo por preferirmos a ilusão, que nos impede de crescer.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  19. Viva-se! Só assim avançamos e crescemos, mesmo que de forma dolorosa.

    Excelente seu poema.
    Beijos Marilene.
    cvb

    ResponderExcluir
  20. O "não vivido" fica apenas subentendido... Cria-se uma ilusão que pode fugir muito da realidade do "vivido".

    Bjusssss

    ResponderExcluir


  21. He estado ausente unos cuantos días y el motivo es visible en los blogs…

    El paso de los días se van sucediendo y las heridas abiertas van al encuentro de los medios para ser cicatrizadas, más nunca olvidadas.

    Intento que todo vuelva a la normalidad, pero no puedo ocultar que dentro de mí algo se ha roto dejando un enorme vacío.

    Pero como soy por instinto optimista reanudo las visitas a este tu maravilloso espacio de luz, donde me has tendido las manos continuamente, brindándome el cariño y la mesura de las palabras, que yo siempre he valorado y apreciado, más allá del tiempo y los sentimientos…

    ¡¡Y ante todo, te doy las gracias en gran medida por ayudarme a continuar el camino!!

    Un beso con dulzura

    Y un abrazo con ternura.

    Atte.
    María Del Carmen


    ResponderExcluir
  22. Oi Marilene
    Engraçado a poesia ou qualquer escrita, porque eu pensei em outra coisa, eu pensei no aborto, a vida não vivida, sei que não foi nisso que vc pensou, mas foi a minha ótica. Lindo, sensível, como sempre.
    Bjos.
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. A sua criatividade poética é incrível!
    Este, é mais um poema em que foi magnífica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  24. Oi Marilene,
    "Porque não vivido não trouxe o saber
    do avesso contido naquele querer"
    Lindo,lindo,lindo,adorei!
    Uma ótima semana,abraço =)

    ResponderExcluir
  25. Olá Marilene
    O que desejamos e não vivemos, fica eternamente em nós, como uma sensação de vazio por emoções contidas.
    Obrigado por sua visita.
    Bjux

    ResponderExcluir
  26. Boa tarde Marilene

    Não vividos, desejos omitidos, mas terá sempre existido a busca do real. Podemos interpretar o poema, como um desejo que não se realizos, ou se conseguido saiu mal.
    Beijos de consideração

    ResponderExcluir
  27. Ah a doce ilusão,mas por vezes atrapalha o amar.
    Lindo seu poetar Marilene, bjs

    ResponderExcluir
  28. Oi Marilene \o/
    Você escreve com inspiração e sensibilidade.
    Muito lindo seu poema.
    Como diria Artur da Távola:
    ' Aquilo que a gente não viveu,mas intuiu,percebeu ou sentiu...prolonga-se,vivendo vidas à parte daquela que vivemos.'
    Bjs :)

    ResponderExcluir
  29. Oi Marilene! A inspiração fez-se uma bela poesia.Vividos ou não, a felicidade afastou-se da realidade.Belo escrito amiga! Bjs

    ResponderExcluir
  30. OI MARILENE!
    MUITAS VEZES O QUE DEIXAMOS DE FAZER FICA MARCADO PARA SEMPRE E NUNCA O ESQUECEREMOS.
    DAÍ, TERMOS CORAGEM NA VIDA FAZ TODA A DIFERENÇA, POIS, É PREFERÍVEL CHORAR PELO QUE NÃO DEU CERTO, DO QUE PELO QUE SE DEIXOU DE FAZER...
    BONITO COMO SEMPRE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  31. Tão bom te ler minha querida amiga.
    Já vivi tantas ilusões e penso que por causa delas deva ter perdido muita coisa boa.

    Poetizas lindamente, parabéns!

    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  32. Belo e inteligente... De fazer pensar! Parabens minha amiga!

    ResponderExcluir
  33. Oi Marilene..
    Lindo post..."porque o não vivido" fica a sensação do não saber como seria....Vim agradecer seu carinho...
    Beijos!
    San...

    ResponderExcluir
  34. O que não é vivido sempre ganhar por comparação.

    Muito bom, é mesmo assim.

    beijos

    ResponderExcluir
  35. Dia Do Blogueira.

    O importante foi o dia que te conheci,
    Quando descobri que nascia em mim o sentimento uma grande sentimento,e
    pude perceber que nascia entre nós um sonho de uma bela amizade.
    A palavra é complicada, mas quem sabe seu significado é só quem tem
    a capacidade de poder apreciar seus defeitos e qualidades.
    A amizade quando verdadeira é um sentimento eterno que não tem fim.
    A minha amizade por você é tão especial que não saberei explicar .
    Sinto vontade de dizer o quanto é importante contar com você
    agradeço a Deus por ter te encontrado e descoberto com você a verdadeira amizade.
    Está sempre pronto pra me oferecer seu abraço, seu carinho incondicional.
    Em nenhum momento critica meus defeitos,
    Me mostra o que há de melhor em mim Me ajuda a enxergar,
    o quanto é feliz por ser meu amigo,
    Para mim hoje você não sabe quanto é especial levar esse carinho em seu coração.
    Feliz dia do blogueiro você que borda delicadeza , em alma
    almas com palavras doces e colore meu coração com amor poesia.
    Feliz, Dia do blogueiro minha eterna gratidão pela
    sua amizade.
    Um mimo te espera na postagem do meu blog
    simples como eu sou ,mais de coração.
    Carinhosamente,Evanir.

    ResponderExcluir
  36. Boa tarde, Marilene. Intenso o seu poema e creio que interpretado de mais de uma maneira.
    Acredito que, o que deixamos arquivados e que vem à tona no presente, sempre vem repleto de comparações do passado, que enfraquece as relações e que nos fazem ficar em dúvidas acerca dos sentimentos.
    Sei que trazemos bagagens de outras relações, que não conseguimos apagar tudo, não tem como!
    Guardamos no peito, momentos bons, lembramos dos ruins e traçamos um paralelo com o presente, só que o maior erro, é querermos depositar a nossa frustação atual com base no que de bom foi vivido e que transformou-se numa experiência a mais vivida, que teve o seu "fim", mas que traz um elo, creio que natural do aprendizado a dois.
    Penso que isso atraplha na vida plena pretendida levar, com respeito, amor e felicidade.
    Passado tem de ser exorcizado, difícil, mas é necessário, caso contrário, viveremos em meio aos fantasmas bem vivos!
    Beijos na alma e parabéns pelo DIA DO BLOGUEIRO!

    ResponderExcluir
  37. O que não foi vivido não dói, nem causa lembrança boa. Apenas poderia ter sido tanta coisa... Que a alma da gente às vezes se preenche de efemeridade, só pensando nisso, no que poderia ter sido, e não foi.

    Bravo!!!

    Beijo, Marilene.

    ResponderExcluir
  38. Eu raramente arquivo o que nao me faz bem, deleto, sem dó. Contudo, quando descubro que guardei um sentimento, ele vem como rinite alergica, incomodando, e é melhor se livrar disso do que viver de ilusão.

    Beijos

    ResponderExcluir
  39. Perfeito? (Perfeito!)

    Mari, meu carinho de sempre por ti.

    Bjos!!

    ResponderExcluir
  40. Vida é efemeridade, e sonho é mais efemeridade ainda, e ilusão é efemeridade que veste a fantasia da eternidade; só a poesia é eterna. Beijos.

    ResponderExcluir
  41. Folhas de Outono está aqui,para ler mais uma postagem que escreves com maestria e aproveito para parabenizar o dia do Blogueiro,então nada mais justo do que vir até aqui para parabenizá-los.
    Que continuemos, por muitos e muitos anos,
    colaborando com uma Blogosfera ética,
    sem plágio e unida.
    Um viva pra você e um viva pra todos nós !!!!

    ResponderExcluir
  42. O que não é vivido não traz alegria e nem infelicidade, mas traz dúvida e angústia. Traz um buraco, um vazio. Muito bom, Marilene. bj

    ResponderExcluir
  43. Marizinha,

    Tudo bem? Sempre entendi que é melhor pecar por excesso do que por ausência. Então acredito na orientação da busca pelo que h'para viver. A dúvida do que não foi feito nos reduz e nos limita a sermos um ser genérico.

    Beijos e lindo final de semana!

    ResponderExcluir
  44. Oi Marilene

    Porque não vivido tornou se ilusão. As vezes me ponho a pensar como teria vivido se tivesse optado por outro caminho.
    Um poema com várias reflexões.
    Lindos dias
    Bjs

    ResponderExcluir
  45. Conheço uma pessoa que com setenta e poucos anos ainda vive de ilusões do que deveria ter feito no passado. Culpa pelo que não aconteceu a terceiros. Muito triste!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...